sábado, 4 de outubro de 2014

Já cá faltava.


Sinceramente só surge na minha mente palavrões. Pouco mais me surge. Soube levar tudo na brincadeira... Olharmos para o chão torna por vezes, as situações mais fáceis. Rirmo-nos da situação torna mais ainda. O pior vem sempre depois, sempre.
Das coisas mais difíceis de se fazer é encarar o passado de frente, é pensar que provavelmente nada volta mais e num dia tudo muda. As tuas perspectivas mudaram, os teus planos se foram por água a baixo. O que se julgava perdido volta. E é isso que mais me assusta. Maldito sejas destino que só me lixas! Mas agora quem escreve a história sou eu, porque da última vez o autor esborratou a folha. Desta vez, não haverá falhas! Porque não o irei permitir. Só me lixam uma vez! À segunda já é burrice...

2 comentários:

Belle Margarida disse...

Temos de ser nós os autores da nossa história. Porque deixarmos outras pessoas escreverem a história por nós termina sempre mal e só cai à segunda quem quer. Força.

P. disse...

Obrigada Belle Margarida :) Quando queremos aguentamos tudo ;)